Oh God
Vamos falar hoje sobre pessoas que se perdem até mesmo quando vão na esquina. O que aconteceu foi o seguinte. Nunca na minha vida eu tinha viajado e eu sou de cidade* pequena daquelas que você vai a pé pra qualquer lugar. Ônibus só se for escolar e com destino certo. Pois bem, eis que estava em São Paulo... Era meu primeiro dia de trabalho, 40 minutos de ônibus e minha irmã foi e veio comigo pra me mostrar certinho o caminho. DE BOA. Parecia simples. No dia seguinte amigos, eu nem imaginava o que me aguardava. 

Acordei cedo, peguei o ônibus no horário e não cheguei atrasada. Fiquei feliz. Seria o cumulo chegar atrasada logo no primeiro dia. Hora de ir embora. MEU DEUS. Fui esperar o ônibus, 30 minutos depois ele* chega e eu embarco. Sentei na janela, como sempre e depois de uns quinze minutos vi que algo estava errado. Eu não conhecia aquelas ruas.


Perguntei ao cobrador por onde o BENDITO passaria. Ele falou que a próxima parada seria perto de onde eu deveria descer. Ok, fiquei mais calma. Resolvi perguntar a um guarda de transito se ele sabia onde ficava tal bairro. E aí, o pânico tomou conta de mim. ELE DISSE QUE NUNCA TINHA OUVIDO FALAR DESSE BAIRRO. Fui pegar o telefone pra falar com a minha irmã e ele estava DESCARREGADO. 

- Tudo bem. Respira. Vai dar tudo certo.

O mais sensato a se fazer naquele momento era ir até um ponto de ônibus e me informar se tinha alguma perua que passasse próximo de onde eu tinha que ir. Me informei com os motoristas até que um senhor baixinho disse que a próxima poderia me deixar no meu destino. Dei graças e esperei. Quando chegou e eu fui passar na catraca o cartão NÃO TINHA MAIS DINHEIRO. Me desesperei de novo. Expliquei pro cobrador minha situação até ali e ele me deixou ficar... como eu não queria me perder novamente pedi pra ele me dizer o local certo a descer. 

Relaxei um pouco e tentando distrair a mente, quis manter um dialogo com ele.
ele: - você é do Ceará?
eu: - sim. como sabe?
ele: - seu sotaque lhe entrega. 
eu: (...)
     se não for pedir muito posso usar seu celular? o meu está descarregado e eu preciso falar com a minha irmã. 
ele: - tudo bem.
e foi então que eu lembrei. meu celular não tinha bateria e eu não sabia o numero da minha irmã decorado... vou te falar viu, Murphy me ama, só pode. Devolvi o celular toda sem jeito e comprovando ainda mais o quão do mato eu era, falei:
- não adianta. não sei o numero dela. 
Sorrimos amarelo um pro outro e o assunto encerrou. 

Depois de ele me dizer o lugar certo a descer e eu agradecer um milhão de vezes pela gentileza dele, eu segui meu caminho. Dobrei a esquina e reconheci a rua que eu deveria entrar. Cheguei em casa as 7:00 da noite com minha irmã desesperada e querendo me dar uma surra. Quando falei o que tinha acontecido, rindo ela falou: era só ter dado a volta no shopping e estaria em casa. 
FIQUEI DE CARA. FIQUEI QUASE MALUCA. só não chorei rios na hora, porque não consegui.

Acho que nunca passei por algo tão desesperador assim. Mas isso pelo menos me serviu pra abrir os olhos. No tempo em que estive lá, nunca mais sai sem o carregador ou algum dinheiro extra pro caso de eu dar a louca de novo e me perder por aí. 

Moral da história: Quando for pegar ônibus, certifique - se de que é o correto.

Marcadores:


COMENTÁRIOS


  uahahha
por isso que eu digo: se estiver sozinha em SP, vá de metrô. É mto mais difícil se perder no metrô e muito mais fácil de se achar, caso se perda. uahahahah

Eu super entendo isso de estar sem um tostão qdo precisa. Desesperador! Sou dessas tbm. Qdo vejo, estou só com o cartão de débito ¬¬

Ainda bem que sempre há pessoas boas no mundo!

Beijos,

Algumas Observações

posted on 19 fevereiro, 2017


  Ficar perdida é comigo mesma, haha, TAMO JUNTO!

Post divertidíssimo! Quero dizer, na hora eu imagino o pânico que deve ter sido, mas o que nos resta, depois, se não apenas rir?

posted on 20 fevereiro, 2017


  kkkkkkk
Quem nunca pegou um ônibus errado e se perdeu? É muito chato, mas que bom que você conseguiu achar o caminho de volta.

posted on 20 fevereiro, 2017


  Minha dica pra não se perder em São Paulo é procurar estação de metrô. De lá você acha. Mas no seu caso, que estava tão pertinho de casa não ia valer tanto a pena assim, haha.
Toma cuidado da próxima vez! Eu já peguei vááárias vezes ônibus errado e agora acostumei a sempre olhar a plaquinha antes de subir no ônibus. Com o tempo vira até automático.

Com carinho,
Conto Paulistano.

posted on 20 fevereiro, 2017


  Eu também sou meio perdida assim, tenho dificuldade em encontrar VÁRIAS ruas aqui no Rio e só saio com o itinerário todo certinho na minha cabeça. Nessas horas o Google Maps ajuda MUUUITO, já me salvou várias vezes.

posted on 21 fevereiro, 2017


  Me identifiquei tanto!! Mudei de cidade faz 4 dias e eu sempre fui muito desligada. E ainda invento de sair pra caminhar pela cidade é óbvio que isso resulta em Milena perdida nas mil ruas! Hahahahha
Beijos!

posted on 22 fevereiro, 2017


  "Era só ter dado a volta no shopping" CAAAARA, QUE AGONIA. Eu já estava desesperada só pelo relato de você ter ficado perdida, imagina ficar perdida tão perto e não saber? Deve ser horrível.
Peguei o ônibus errado uma vez. Estava escrito que ele ia pro centro da cidade e eu pensei "se tá escrito no ônibus que ele vai pro centro, pra que vou perguntar?". Acontece que o ônibus estava voltando do centro e eu fui para num bairro completamente estranho. Pensei em ir até o final do ônibus e pegar ele voltando, mas o motorista disse que o ônibus não ia voltar mais e que aquela era a última viagem dele. Olha que beleza. Sorte que tinha um outro ônibus que passava perto de onde eu estava e eu consegui voltar pro caminho certo. Até hoje não sei o nome do bairro em que fui parar.
Teve uma vez também que meu pai pegou o dinheiro da passagem certo e precisou fazer xerox de uns documentos. Resultado: ficou na rua sem dinheiro pra voltar. Ele acabou voltando pra casa a pé!!! (acabei de olhar no google, ele andou 12Km :O
Quando dizem que "cidade grande" é uma selva de pedra, estão falando sério.

posted on 23 fevereiro, 2017


  'oh god' é realmente um ótimo título pra esse pots. meu deus, que agonia! eu vivo me perdendo por aí (sou muito desorientada), mas nunca dei o azar de ter acabado a bateria do celular, então sempre consegui acabar me virando, haha. acho que na sua situação eu sei lá, iria começar a chorar loucamente, hahahaha

posted on 23 fevereiro, 2017


  HAHAHAHA
EU sempre pego o ônibus errado.
Hoje depois de dar aula, deveria ir ao dentista. Porém desci num ponto que passa maior numero de onibus, e peguei um que vai por outro caminho.
Resumindo, peguei chuva e não fui ao dentista ahahhaha


http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/

posted on 24 fevereiro, 2017


  "Vamos falar hoje sobre pessoas que se perdem até mesmo quando vão na esquina"
a postagem já começou com algo que eu me identifiquei...
Eu super me vejo nessa situação, celular sem bateria, ônibus errado, perdida, sou um desastre pra me orientar.
Haha' enfim, adorei a postagem.
1
Beijos

posted on 26 fevereiro, 2017


  Que situação péssima!
Eu já peguei um ônibus errado de volta para casa, e como estava sem dinheiro tive que continuar andando. Ainda bem que eu sabia o caminho. O ruim é que demorei quase uma hora para chegar em casa.
Beijos, Aline
Verso Aleatório

posted on 02 março, 2017


Postar um comentário

Sinto-me extremamente grata por tirar um tempinho do seu dia, para me alegrar com seu comentário. Sua opinião a mim é muito importante. Ajuda-me a te conhecer melhor e formar um vinculo legal.

P.S. não irei responder seu comentário por aqui, mas deixe o link do seu blog para que eu possa retribuir a visita. Gratidão.

19 de fev de 2017 - Com Carinho, nnt
~next~ ~previous~